Ligamos para você

Se preferir, ligue grátis para:0800 014 2001

Calcule seu risco de queda

21 / 01

VOLTA ÀS AULAS

Há alguns meses, a mineira Chames Salles Rolim ganhou as manchetes nacionais com um feito – aos 97 anos realizou o

Há alguns meses, a mineira Chames Salles Rolim ganhou as manchetes nacionais com um feito – aos 97 anos realizou o sonho de se formar em Direito. Ao ficar viúva, após 63 anos casada e toda uma vida dedicada ao trabalho na farmácia da família, Chames voltou a estudar para ingressar na faculdade. Concluiu o curso e virou referência. Este caso, claro, fascina pela ousadia, no entanto, tem sido um movimento cada vez mais comum a volta às aulas por parte da terceira idade. Com ou sem o objetivo de retomar ou mudar o rumo profissional, o estudo traz o benefício de manter a mente ativa, um dos itens que ajudam na qualidade de vida na maturidade.

VOLTA ÀS AULAS

Atualmente, as opções para quem decide voltar a estudar são muitas, vão desde os cursos tradicionais em faculdades e universidades, com seleção por meio de vestibular, às opções on-line, um dos modelos educacionais que tem ganhado popularidade no país, a exemplo do que já acontece em países europeus e nos Estados Unidos. Este último método pode ser uma boa escolha para aqueles que não querem percorrer os anos necessários de dedicação em um curso tradicional, ou que estão em busca simplesmente de ampliação do conhecimento.

Para estudar de forma virtual é preciso um computador e conexão a Internet. Basta, então, avaliar os cursos que despertam interesse. Há opções gratuitas e que não exigem sequer inscrição, bem como cursos pagos e com cargas horárias extensas, porém, com certificação ao final. Sem a exigência de locomoção e com a possibilidade do estudante fazer o próprio horário de estudo, os cursos pela web tornam-se um grande atrativo para a terceira idade.

Algumas das melhoras universidades brasileiras, como USP, UNESP, Unicamp e PUC, têm ofertas variadas, com cursos voltados exclusivamente para a terceira idade, bastante concorridos e geralmente presenciais, ou os abertos, pela Internet. O jornal Atividade listou algumas opções para você pensar em voltar às aulas em 2015. Anime-se!

USP (www5.usp.br/) – A USP criou o programa Universidade Aberta à Terceira Idade, com os cursos anunciados antecipadamente para cada semestre (http://bit.ly/1sc0f79). Inspirada em projetos de universidades como Harvard e MIT, nos EUA, a USP colocou no ar o e-Aulas (http://eaulas.usp.br), portal aberto a todos os interessados em ampliar os conhecimentos por meio de vídeo-aulas, com a possibilidade de escolher as áreas de interesse.

Unesp (www.unesp.br) – A Universidade Estadual Paulista também oferece cursos voltados à terceira idade, divulgados no site da instituição, e ainda conta com uma plataforma digital, a Unesp Aberta (www.unesp.br/unespaberta). O curso mais acessado é o de Direito Administrativo, e para participar das aulas on-line basta fazer um cadastro. Esses cursos não têm assessoria pedagógica, avaliação ou certificação.

Unicamp (www.unicamp.br) – A Universidade de Campinas disponibiliza aulas gratuitas on-line, com os professores da instituição, por meio da plataforma e-unicamp (http://bit.ly/1yvloLx). O acesso às informações, em diversas áreas, é livre e sem custo.

PUC SP e RJ (www.pucsp.br e www.puc-rio.br) – A Pontifícia Universidade Católica de São Paulo criou o programa Universidade Aberta à Maturidade (http://bit.ly/1qjrdhg), com aulas de informática, espanhol, dança, entre outras. Disponível em vários campus na capital paulista, o curso é pago e exige comparecimento semanal. A PUC Rio oferece um curso on-line de história da química (http://bit.ly/1yZFbpa). Estas e outras unidades da PUC também disponibilizam cursos de especialização e pós-graduação a distância.

Senac (www.ead.senac.br) –O Senac criou o programa EAD – Educação a Distância, pelo qual oferece conteúdos que abrangem da formação inicial à cursos de pós-graduação. Nos cursos livres há a disponibilidade de idiomas como russo e turco, culinária, marketing, entre outros.

Veduca (www.veduca.com.br) – Por meio de parcerias com universidades nacionais e internacionais, a empresa brasileira Veduca oferece centenas de cursos on-line, com ou sem certificação, em áreas como Direito, Comunicação, Biologia, Computação, Economia e Artes. Entre as instituições parceiras estão a Universidade de Brasília, Unicamp, USP, Unesp e UFSC. Em seu portal, disponibiliza também cursos de universidades internacionais de renome, como Harvard e Oxford.

Aprenda uma nova língua!

É prazeroso, além de útil, conseguir compreender e se comunicar em outro idioma. Hoje, há muitas opções para aqueles que querem aprender ou aperfeiçoar outra língua sem ter que recorrer às escolas tradicionais. As principais ferramentas estão disponíveis para smartphones, mas há cursos interessantes na Internet. Um dos melhores disponíveis é o curso gratuito de alemão oferecido pela empresa de mídia Deuscth Velle. Didático e divertido, vai do nível básico ao avançado. Para saber mais acesse www.dw.de e busque a área “aprender alemão”.



Voltar para todas as notícias

Conheça nosso canal

Siga a Telehelp nessa rede social e veja os nossos vídeos e novidades que devem auxilia-lo a entender melhor nossos serviços.

Conheça Conheça

Perguntas frequentes

Ainda com dúvidas, aqui você pode esclarece-las com o nosso FAQ, tendo acesso às perguntas e respostas às dúvidas mais frequentes.

Leia Mais Leia Mais

Depoimento

Confira depoimentos e áudios reais de quem utiliza o serviço de teleassistência

Veja mais Veja mais